ATCHIIIM! - NOVO

Código: 85-86331-14-7 Marca:
R$ 44,00
Comprar Estoque: Disponível
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

O novo Atchiiim! e o texto da Bela Gil

Por que novo?

Porque entendi um pouco melhor o que se passa na cabeça sem ser pensamento, e que escorre pelo nariz e no fundo da garganta, e umedece mais ainda os olhos, entope os sinus e os ouvidos, dá dor de cabeça, febre, espirros, tosse… Então mexi no texto aqui e ali (mas não nas receitas).

Por que Bela?

Achei que a capa merecia um novo trato, pra ficar mais objetiva. E convidei a Bela Gil para escrever alguma coisa na 4a capa, porque ela representa meus leitores jovens, e porque, como todo mundo sabe, adoro a Bela. Quem sai aos seus não degenera. Linda, inteligente, delicada, tranquila, amorosa, fazedeira. Vejam só o que ela escreveu:

“Sempre tive grande admiração pela clareza, leveza e a maneira bem humorada que a Sonia tem em passar informações preciosas para a manutenção da nossa saúde. Desde a adolescência eu me interesso por saúde, bem-estar e medicinas tradicionais, e quando conheci o blog da Sonia na internet e todas as suas publicações, fiquei extremamente surpresa e encantada com as preciosidades que ela dispunha ali para quem quisesse ler e aprender.

Lembram daqueles segredinhos e receitinhas de vovó que curam qualquer mal-estar? Pois bem, os livros e textos da Sonia são repletos de receitas medicinais caseiras e confiáveis. Sinto que a Sonia é a vovó da nossa sociedade, cheia de segredos, experiências, sabedoria e respostas para tantos males que acometem a saúde e o estilo de vida dos pequenos e velhos cidadãos.

Nesta obra, a autora ensina ao leitor o quanto somos responsáveis por nossa saúde e doença, mostrando que ficar gripado não depende só de um vírus, mas sim da nossa condição de nos defendermos. Atchiiim! é um manual de sobrevivência e convivência com nossos, também amigos (ou nem sempre inimigos), micróbios, vírus e bactérias.”

Viram só? Vovó… Com muito gosto!


Quente ou frio?

Ao perceber um resfriado chegando – mal-estar, dor de cabeça, moleza, espirro – é bom saber se ele é frio ou quente. O quente se trata com chás de natureza fresca, o frio com os de natureza morna.

frescos: assa-peixe, tanchagem, hortelã, poejo, camomila, raiz-de-lótus fresca

mornos: canela, cravo, feno-grego, funcho, cominho, alho, raiz-de-lótus seca, cúrcuma, alecrim, gengibre fresco

Gripe quente

Quando a vítima está muito seca, queixando-se de calor e com catarro grosso, vai se sentir melhor bebendo água fresca com gotas de limão, aos golinhos, ou chá de hortelã com 1 colherinha de mel. Não deve comer nada assado ou frito, só caldos e canja.

Gripe fria

Quem tem sintomas de frio não deveria comer frutas e vegetais crus, só cozidos. Comida quente aquece a digestão. Digerir bem é essencial para aquecer o corpo e reduzir o muco.

De onde vem o muco?

O que escorre do nariz e vira catarro é um excesso que o corpo está eliminando. Tem a ver com descuidos alimentares, má digestão, comida imprópria, toxinas. Também tem a ver com cansaço, portanto... descanse!

Ele derrete!

Ingrid Naiman, em www.kitchendoctor.com, conta que aprendeu a entender o muco como uma cera que congestiona, pressiona, inflama, dói – mas derrete quando lhe damos fogo, por exemplo nos caldos apimentados e chás de ervas e especiarias quentes.

Mel é bom?

O mel ajuda a dissolver catarro. Dois bons xaropes: cebola com mel e abacaxi com mel. Cortar em rodelas, cobrir com mel, deixar uma noite, tomar de colherinha. Dose máxima de mel por dia: 4 a 5 colherinhas (chá).

Lavar o nariz

com água morna salgada, 2 a 3 vezes por dia, usando um conta-gotas ou similar, elimina micróbios que complicam resfriados, gripes, sinusites, etc. Medida: 1 colher (chá) de sal em um copo de água morna.

Inalação é bom?

Só se o clima estiver seco, explica Carla Saboya. Em clima úmido, considera mais eficiente queimar folhas secas de capim-limão pela casa, soltando a fumaça nos cantos e até dentro dos armários.

Tem dieta para gripe?

Tem: comida de gripe é aquela velha canja tradicional brasileira que veio da China e da Índia junto com os marinheiros, nas caravelas. O arroz, branco ou integral, deve ser cozido em bastante água por 3 horas, no mínimo. Quanto mais cozinhar, melhor fica. Se galinha caipira houver, cozinhar junto até ela desmanchar. Temperar com alho, cebola, aipo, alho-poró, pimenta, azeite extravirgem, pouco sal ou shoyu, salsinha, hortelã. Tomar só essa canja quando der vontade, com ou sem galinha, até melhorar.

R$ 44,00
Comprar Estoque: Disponível
Sobre a loja

Loja de livros da jornalista e escritora brasileira Sonia Hirsch sobre saúde e alimentação. Informação útil, confiável e gostosa de ler tem sido a especialidade de Sonia Hirsch desde 1983, quando publicou seu primeiro livro. Hoje são 21, sendo 17 em catálogo aqui. Confira as promoções.

Social
Pague com
  • PagSeguro
  • PayPal
  • MercadoPago
  • Bcash
Selos
  • Site Seguro

sonia eliezer hirsch me - CNPJ: 29.409.539/0001-80 © Todos os direitos reservados. 2017